Anúncio

Sindicato considera parar 100% dos ônibus de Guarapari

Funcionários realizaram manifestação na manhã de hoje (16), pedindo pagamento dos salários em atraso

Por Gislan Vitalino

Publicado em 16 de março de 2022 às 16:21

Anúncio

Manifestação Rodoviários Ônibus Transporte Público Expresso Lorenzutti Guarapari
Imagens: reprodução/redes sociais.

Na manhã desta quarta-feira (16), os funcionários da empresa Expresso Lorenzutti, responsável pelo transporte coletivo municipal em Guarapari, realizaram uma manifestação pelas ruas da cidade. Pedindo pelo pagamento dos salários em atraso, os funcionários seguiram da garagem da empresa até a frente da Prefeitura de Guarapari. De acordo com o diretor do Sindicato que representa os trabalhadores, a categoria pode chegar a paralisar 100% dos ônibus, se a empresa não buscar o diálogo com os funcionários.

Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Guarapari (Sintrovig), Enis Gordin, na última sexta-feira (11), a empresa realizou o pagamento apenas para os cobradores, deixando sem pagamento motoristas e funcionários internos da empresa, que acionaram o sindicato.

“Mais uma vez, vemos o atraso de salário. Alguns funcionários têm INSS e salários atrasados há mais de 3 anos. A categoria não aguenta mais não ter dinheiro para pagar suas dívidas, lidando com juros, despejos. Estamos tentando fazer a mediação, mas a categoria já está desnorteada com essa situação”, afirmou Enis Gordin.

Categoria avalia paralização de 100% da frota

Sobre a expectativa de normalização da rotina dos ônibus, Enis Gordin explicou que os funcionários seguirão aguardando posicionamento por parte da empresa. “Estamos aguardando a posição da empresa, que ainda não falou nada, não tentou conversar. Estamos fazendo cumprir a lei, mantendo 30% dos veículos funcionando, mas a qualquer momento, pode parar 100% se a empresa não falar nada”, destacou o diretor.

manifestacao sindicato 2022 03 16 1 - Sindicato considera parar 100% dos ônibus de Guarapari

Nós estamos buscando o posicionamento da Prefeitura de Guarapari e da Expresso Lorenzutti sobre a situação e atualizaremos a situação assim que recebermos uma resposta.

*Atualização 16h38:

Após a publicação da matéria, a Prefeitura de Guarapari se posicionou com nota, reproduzida abaixo na íntegra:

“A Prefeitura de Guarapari, através da Secretaria de Postura e Trânsito (Septran), informa que não realiza pagamento de salários aos funcionários da Lorenzutti, isso é de competência da empresa. Nenhuma demanda de funcionário da empresa foi apresentada ao município“.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp Image 2024-03-22 at 11.35.14

Sicoob amplia acesso a bens e serviços através de consórcios

Os consórcios do Sicoob abrangem uma gama diversificada de categorias, incluindo imóveis, veículos, serviços e até mesmo equipamentos

20240422_181007582_iOS

OAB Guarapari e Faculdade Anhanguera reforçam vínculos em encontro institucional

Novo diretor da instituição de ensino foi recebido pela presidente da 4ª Subseção da OAB/ES

Anúncio

Anúncio

4-20240410_192004

Celebração e gratidão: Sabor do Frango completa 15 anos de história em Guarapari

Equipe comemorou a marca com encontro especial

Habitação 5 - Carlos Eugênio Alves

Espírito Santo registra redução nas taxas de pobreza e extrema pobreza

Ainda de acordo com o estudo a taxa de pobreza do ES foi de 22,8%, percentual abaixo da média registrada pelo Brasil (27,5%)

Anúncio

capa_43544_RotadaFerraduraManoellvesDivulgacao3

Último dia para se inscrever na Corrida Rota da Ferradura 12 Milhas; entrega dos kits começa na quarta-feira (24)

A 1ª edição do evento acontece no próximo domingo (28) na Rota da Ferradura (Buenos Aires, Boa Esperança e Jaboti)

os-sao-joao-jaboti-04-2024-001

Prefeitura de Guarapari anuncia obras de drenagem e asfaltamento em São João do Jabuti

Comunidade é vista como região de potencial para o agroturismo

Anúncio