Anúncio

Suspeito preso por matar enfermeira grávida em Alfredo Chaves responderá por três crimes

Cleilton Santana foi preso em Viana e responderá pelos crimes de feminicídio, ocultação de cadáver e aborto

Por Aline Couto

Publicado em 19 de janeiro de 2024 às 12:28

Anúncio

415ba420 b639 11ee 9388 232a320dd373 minified
Fotos: reprodução.

Na segunda-feira (15) um corpo encontrado na última quinta-feira (11), às margens da ES-383, em Alfredo Chaves, foi reconhecido como de Íris Rocha, enfermeira de 30 anos que morava em Jacaraípe, na Serra. Íris estava grávida de oito meses.

O corpo, com duas perfurações por arma de fogo foi encontrado por um policial militar de folga e identificado com a ajuda de um cartão de crédito encontrado na roupa da enfermeira.

Suspeito

Desde que o corpo de Íris foi encontrado o ex-namorado da vítima foi considerado suspeito. Cleilton Santana dos Santos, de 27 anos, foi preso na tarde dessa quinta-feira (18), na BR-262, em Viana, e responderá pelos crimes de feminicídio, ocultação de cadáver e aborto. 

Ele negou qualquer tipo de participação no crime. As investigações apontam que Cleilton esteve no local do crime e, de acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda, a confissão do suspeito é irrelevante diante das provas. 

47115060 b650 11ee 921c dfd99d40aa23 minified

Abusos

De acordo com informações da família e amigos de Íris, o relacionamento deles era abusivo, o ex-namorado vigiava a vítima durante todo o dia. O suspeito chegava a esperar a enfermeira na porta do trabalho.

Em outubro do ano passado, a enfermeira denunciou, através de um áudio enviado para uma amiga a agressão física que sofreu por parte do então namorado, Cleilton Santana. Na mensagem, ela narra que apagou e acordou no chão cuspindo sangue.

A vítima foi a uma delegacia da Polícia Civil para relatar toda a agressão e mostrar os ferimentos. No boletim de ocorrência, ela revelou que estava grávida de 15 semanas e eles já estavam namorando havia cinco meses. 

a9f3bda0 b40a 11ee b570 0dfa6df6f1a9 minified

Adeus

Amigos e familiares lembram de Íris como uma pessoa alegre, meiga e batalhadora. Além da menina que esperava, ela tinha um filho de 8 anos.

A enfermeira era mestranda em Ciências Fisiológicas na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), e atuava como pesquisadora no Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), conhecido como Hospital das Clínicas, em Vitória.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp Image 2024-02-27 at 09.39.591

Aluno da APAE Guarapari conquista 3º lugar em Olimpíada de Matemática

Com o diagnóstico de autismo, Adrian é assistido pela APAE Guarapari e estuda no EMEIEF Zilnete Pereira Guimarães

Janelas - Foto Telma Amaral

Grupo de teatro de Anchieta leva espetáculo ‘Janelas’ para outros municípios capixabas

Peça foi contemplada no edital de Artes Cênicas da Secretaria de Estado da Cultura

Anúncio

Anúncio

20240226110635_IMG_2837

Guarapari é destaque no Plano de Expansão da ES Gás, que investirá R$ 100 milhões no Estado

O município será o 14º a receber gás natural no ES. Outras cidades contempladas serão Linhares, São Mateus e a Região Metropolitana da Grande Vitória

Navios de Cruzeiros. Foto Fernando Frazão -Agência Brasil

Governo do Estado quer cruzeiros marítimos de volta ao ES; Guarapari pode estar na rota

Estudos realizados na USP apontam parecer positivo para retomada de roteiro turístico no litoral capixaba

Anúncio

vacinacao-dengue-fev24

ES dá início à vacinação contra a dengue; postos de Guarapari começam a aplicar nesta terça (27)

Foram 58.530 doses de vacinas distribuídas para 23 cidades que compõem a Região Metropolitana de Saúde

ubu-casa-mirante-ubu

Projeto Orla: consulta pública sobre ordenamento de praias de Anchieta segue até dia 29

Data foi prorrogada para dar mais possibilidade de participação popular

Anúncio