Anúncio

Morre Paulo Borges

Por Livia Rangel

Publicado em 9 de março de 2011 às 00:00
Atualizado em 4 de fevereiro de 2015 às 16:21
Anúncio

O ex-prefeito de Guarapari, Paulo Borges (PR), faleceu no último domingo (6), às 15h30, no Hospital Evangélico de Vila Velha. No sábado, ele teve um sangramento em casa e foi levado ao Pronto Atendimento de Guarapari. De lá foi transferido para Santa Casa e depois para o Evangélico, onde não resistiu a hemorragia digestiva e teve insuficiência cardíaca, vindo a óbito.

O corpo do ex-prefeito foi velado na Câmara de Vereadores do Município e o sepultamento foi feito no cemitério da Praia das Virtudes, no Centro da cidade. Durante a cerimônia o pai de Paulo, Hugo Borges, discursou e disse que o momento era inimaginável. “Estamos vivendo um momento inesperado em que perdemos a nossa razão de viver”, contou.

Divulgação

EX-PREFEITO, Paulo Borges.

Apesar de já ter passado por cinco cirurgias de ponte de safena e ter problemas cardíacos – que o faziam tomar medicação diariamente – o ex-prefeito tinha projetos políticos e sua morte pegou a todos de surpresa. Várias autoridades da política falaram sobre o falecimento de Paulo Borges e alguns até compareceram ao seu enterro.

Entre os que estiveram presentes estavam: o atual presidente da Assembleia Legislativa do Espírito Santo, Rodrigo Chamoun, e o prefeito de Guarapari, Edson Magualhães. “Dedico sentimentos à família. Eu e Paulo sempre fomos de lados opostos na política em Guarapari, mas não deixamos isso interferir em nosso respeito mutuo”, afirmou Rodrigo.

O deputado Federal Lelo Coimbra (PMDB) e o Estadual Theodorico Ferraço (DEM) também comentaram a morte do ex-prefeito. “É uma perda para família, sempre ligado ao PMDB, e para a política estadual”, garantiu Lelo. Para Ferraço, Borges fez a diferença em Guarapari. “Paulo foi um dos grandes valores políticos da cidade. Lamento muito”, disse.

O deputado Estadual Sérgio Borges (PMDB), que é irmão de Paulo, falou da falta que ele fará. “Ele deixa um saudade boa. Era um bom irmão, que tinha um coração grande e se dedicava aos que mais precisavam. Deus leva os bons primeiro, e levou ele”, informou. As córneas do ex-prefeito foram doadas.

Paulo Sérgio Borges Filho, o primogênito do ex-prefeito, falou sobre o pai. “Sempre respeitei e amei meu pai. Ele era carinhoso, bom e educou a gente de forma exemplar. Meu pai levou Corpo de Bombeiros e pronto-atendimento a Guarapari, construiu 14 escolas, modernizou a Praia do morro e fez praças e semáforos. Ele doou as córneas por amor ao próximo”, finalizou.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Atacado-VEM

Atacado Vem passa por nova etapa para a construção em Guarapari

O atacarejo ficará localizado no bairro Muquiçaba e a promessa é de geração de empregos diretos e indiretos durante e após o término das obras

tiro

Manhã de tiros e homicídio em Muquiçaba

Anúncio
Anúncio
respiradores104

ES recebeu mais 104 respiradores para reforçar o enfrentamento ao novo Coronavírus

eleições2020

Adiamento das eleições municipais para novembro é aprovado na Câmara

O primeiro turno das eleições municipais será adiado de 4 de outubro para o dia 15 de novembro. A data do segundo turno passa para o dia 29 de novembro

Anúncio
covid-19-drive-thru-teste-coronavirus-teste-rapidos-titri-foto-Flávio-Tin-_MG_8593-15042020-scaled

Covid-19: Guarapari tem mais de mil casos confirmados

O Boletim Epidemiológico foi divulgado na noite de quarta-feira (01). O município registra 41 óbitos por coronavírus

meaipe-5250506-1

Guarapari pode receber ventania de até 74 km/h

A previsão é que o ciclone extratropical chegue a Guarapari até a manhã desta quinta-feira (2).