Anúncio

Prefeitura diz que valorização salarial está garantida aos profissionais da educação de Guarapari

Categoria decidiu pela paralisação das atividades em busca dos direitos

Por Aline Couto

Publicado em 30 de maio de 2022 às 09:34

Anúncio

Prefeitura diz que valorização salarial está garantida aos profissionais da educação de Guarapari
Foto: arquivo Folha.

Com a data marcada para hoje (30), os profissionais da educação de Guarapari decidiram pela paralisação geral das atividades como forma de reivindicar melhorias e direitos para a categoria. As reivindicações são pelo reajuste salarial, e dos auxílios alimentação e transporte, além de esclarecimentos sobre obras da educação paralisadas.

“Precisamos uma reestruturação na tabela de vencimentos e mais valorização ao profissional. No início deste ano tivemos um reajuste no piso, mas ele não respeitou a carreira de cada um. Queremos ser recebidos pelos gestores com uma pauta estabelecida com nossas reivindicações, para discutir propostas até chegarmos a um consenso. Além de respostas do executivo sobre as escolas e creches com obras inacabadas no município”, descreveu Adriano Albertino, coordenador do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Espírito Santo (Sindiupes) em Guarapari.

Em resposta a paralisação da categoria, a Prefeitura de Guarapari, através da Secretaria de Educação (Semed), informou que o município reafirma o compromisso com a Educação e com os Profissionais do Magistério. “Destaca-se que foram realizados pagamentos de abonos, quinquênios, assiduidades e de progressões em atraso desde 2014. Hoje Guarapari está entre os poucos municípios que concederam reajuste em 2022, sendo que, neste ano, o índice de aumento foi de 10,16%. Portanto está assegurada a valorização salarial e garantidos os direitos adquiridos aos Profissionais da Educação”.

Em tempo

Prefeitura diz que valorização salarial está garantida aos profissionais da educação de Guarapari
Adriano Albertino (esquerda) entregando o documento da paralisação da classe na prefeitura.

A entrega do documento com o anuncio da paralisação aconteceu na última terça-feira (24), na sede da Prefeitura de Guarapari. O ato desta segunda-feira está marcado para começar às 9h30 com uma assembleia da categoria no pátio da Semed. Às 15h haverá um ato público na Praça de Muquiçaba, onde os profissionais da educação caminharão juntos até atravessar a ponte de Guarapari.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

escola perocão (1)

Pais manifestam sobre condições de escola para o ano letivo em Guarapari

Rapaz desapareceido1

Família procura por rapaz desaparecido em Guarapari

Anúncio

Anúncio

Fiscalizacao_20230203_Noticias3-847x476-1

Crea-ES alerta para risco de quedas e acidentes na Praia da Areia Preta, em Guarapari

vacina-06fev-sesa

Retorno às aulas é momento de colocar as vacinas em dia

Anúncio

Pablo Lira

Pesquisador de Guarapari é o novo presidente do Instituto Jones dos Santos Neves

Transito-Fernando-Ferrari-Foto-Victor-Amaral-12-2

Multas leves e médias podem ser convertidas em advertência por escrito no Espírito Santo

Anúncio