Anúncio

Chamoun é o nome de consenso na Ales

Por Livia Rangel

Publicado em 2 de fevereiro de 2011 às 00:00

Anúncio

A Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) teve um dia movimentado ontem (1). Durante o período da manhã, foram empossados os deputados eleitos em outubro do ano passado. A cerimônia foi movimentada e houve um discurso do governador do estado Renato Casagrande, que citou a importância do diálogo e da união entre a Casa e o Executivo. Fez, inclusive, menção ao processo de eleição da Mesa Diretora, que – naquele momento – ainda estava por vir.

“O processo de escolha dos novos dirigentes desta Casa tem sido uma verdadeira lição de democracia, unidade e responsabilidade pública. Nas últimas semanas, as correntes políticas aqui representadas se articularam, debateram suas opções e agora estão chegando a um entendimento. Parabéns a todos os deputados que hoje são empossados e antecipados aos que logo serão escolhidos para compor a Mesa Diretora”, disse.

HM Propaganda
DSC08428 - Chamoun é o nome de consenso na Ales
GOVERNADOR momentos antes da posse.

Ao fim da cerimônia de posse, os deputados começaram a se preparar para a eleição, que estava marcada para às 15h. O agora ex-presidente da Casa, Elcio Álvares (DEM), foi quem conduziu o processo. A chapa encabeçada pelo deputado Rodrigo Chamoun (PSB) foi a única inscrita, como já havia sido previsto. O consenso prevaleceu e as conversa entre os deputados, que duraram todo o mês de janeiro, foram determinantes para que isso acontecesse.

Hm Propaganda
DSC08438 - Chamoun é o nome de consenso na Ales
MOMENTO da posse.

Após a votação, já eleito presidente, Rodrigo discursou e afirmou que conduzirá os trabalhos da Casa por meio de quatro pilares. O primeiro será a defesa da boa política. Para ele, há uma ideia equivocada sobre os parlamentares em geral. “A desilusão popular se dá devido a atuação maléfica de poucos políticos, que somada a impunidade alimenta permanentemente a corrupção. Tal desilusão é injusta. Precisamos separar o joio do trigo”, disse.

O segundo pilar é a estabilidade política no estado. “Não permitiremos o retrocesso e buscaremos permanentemente a normalidade institucional. Faremos do diálogo o nosso principal instrumento de trabalho com os demais Poderes e a principal ferramenta de nossa aproximação com o povo capixaba”, garantiu o presidente.

HM Propaganda
DSC08530 - Chamoun é o nome de consenso na Ales
RODRIGO faz seu discurso já como presidente da Casa.

O terceiro é o avanço institucional do Legislativo. “Consolidaremos a reforma administrativa visando à profissionalização dos serviços prestados e o aperfeiçoamento dos sistemas de transparência e controle social de nossas atividades. Quero destacar aqui o trabalho já realizado pelas últimas quatro mesas diretoras. A Casa aparece como a segunda mais econômica do país, em termos percentuais. Só perdemos para São Paulo. Nosso orçamento equivale à metade da média praticada pelos demais estados”, conta.

O quarto e último pilar será a consolidação da Ales como referência na criação de políticas públicas. “Temos quadros na Casa preparados para uma tarefa tão nobre. Temos, ainda, um conjunto de parlamentares que dedicam as suas vidas às causas coletivas, sobretudo aquelas ligadas à melhoria da vida dos mais necessitados”, afirmou.

HM Propaganda
DSC08523 - Chamoun é o nome de consenso na Ales
SÉRGIO Borges, que abriu mão de sua candidatura pelo consenso, parabeniza Rodrigo.

Mais tarde, em uma coletiva de imprensa o presidente da Assembleia afirmou que apesar de existir uma relação de respeito e harmonia entre Legislativo e Executivo, não haverá espaço para heresia política. Rodrigo afirmou que as ações da Casa serão independentes. “O Legislativo é independente, porém as bancadas e os partidos têm o direito legítimo de optarem por serem governistas ou oposicionistas. O que nós temos construído é uma maioria governista em prol do Espírito Santo”, explicou.

Para o Chamoun, a independência está diretamente relacionada aos objetivos de cada poder. “Se o que Renato Casagrande quer em favor do Espírito Santo é o que a Assembleia deseja em favor do estado, não há motivos para divergências. Isso se chama consenso e parceria, que deve ser prioridade entre o Executivo e o Legislativo”, finalizou.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

casa-sinestescia-2024

Casa Sinestésica oferece Oficina de Desenho gratuita nesta quarta (17) em Guarapari

Com o tema Autorretrato, atividade tem vagas limitadas

IMG_9800-1

Terra dos Dinos: Guarapari deve ganhar filial do ‘Jurassic Park brasileiro’ em 2025

Parque temático, no RJ, possui diversas atrações e 40 modelos de dinossauros em tamanho real

Anúncio

Anúncio

20240701_160006

Fios acumulados e pendurados em postes preocupam moradores de Guarapari

Moradores flagraram casos em duas avenidas movimentadas da Praia do Morro

lei-seca_forca-pela-vida-7-1

Blitz Lei Seca flagra 131 motoristas alcoolizados em todo Estado no fim de semana

Ação faz parte do programa “Força pela Vida”, integrando diversos órgãos

Anúncio

Wendel Lima

Wendel Lima oficializa desistência da pré-candidatura à Prefeitura de Guarapari

Parlamentar vai tentar novo mandato como vereador

20240712_121249983_iOS

Com novas peças, ‘Brechó dos Apaexonados’ é reinaugurado pela Apae Guarapari

Espaço é importante fonte de recursos para a instituição

Anúncio