Anúncio

Edson Magalhães se reúne com Orly

Por Livia Rangel

Publicado em 21 de março de 2013 às 00:00

Anúncio

O ex-prefeito Edson Magalhães (sem partido) retornou à prefeitura nesta quarta-feira (21) e se reuniu por aproximadamente meia hora, com o atual chefe do Executivo municipal, Orly Gomes (DEM). Edson foi o principal aliado e cabo eleitoral de Orly durante a campanha para as eleições suplementares de Guarapari, e é cotado para assumir cargo de confiança do atual prefeito.

Alguns servidores afirmam o retorno de Edson, mas até o momento nenhuma informação concreta foi divulgada. Inclusive se fala que essa não teria sido a primeira vez que o ex-prefeito visita a prefeitura na atual gestão. Informações da Secretaria de Comunicação da prefeitura informou através de nota ao Jornal A Gazeta que o ex-prefeito fez uma visita informal e rápida, desejando sucesso à sua administração e que nada sobre o assunto secretariado foi tratado.

Durante reunião com a imprensa local na última semana, Orly afirmou que tem uma amizade muito grande com o ex-prefeito e que inclusive Edson está sendo muito cobiçado pelos partidos. Em outras ocasiões, Orly falou de Edson como um dos seus conselheiros e chegou a compará-lo com Bill Clinton. “Bill Clinton está lá num cantinho, sentado, olhando o mundo da sua cadeira e sempre que Barack Obama tem um grande problema para decidir, ele vai lá, ‘senta’ no ouvido de Bill Clinton, conversa e pega informações, orientações para aplicar no seu trabalho. O Edson Magalhães será o Bill Clinton para mim”, disse.

Edson ficou preso por 50 dias pela Operação Derrama, ele é suspeito de irregularidades na contratação de uma empresa de consultoria. Recentemente, foi condenado em uma ação civil pública por atos de improbabilidade administrativa, pelo juiz Gustavo Marçal da Silva e Silva, da Vara dos feitos da Fazenda Pública Municipal e Estadual da Comarca. A condenação prevê multa civil de dez vezes o valor de sua última remuneração no cargo e está proibido de assumir cargo no Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais e creditícios, direta ou indiretamente.

Lei da Ficha Limpa. Além disso, pela lei da ficha limpa, aprovada pelos vereadores de Guarapari em 18 de Fevereiro, Edson não poderia assumir. O projeto de Emenda à Lei Orgânica Municipal (LOM) 002/2013, aprovado por unanimidade pelos vereadores da Câmara Municipal prevê que as pessoas que ocupam cargos comissionados ou de confiança no município, incluindo secretários, deve ter ficha limpa.

 

Com informações de A Gazeta

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

rotativo_cmg-gri-2021-05-21

Prefeitura de Guarapari decreta rescisão do contrato com concessionária de estacionamento rotativo

Decisão foi publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial do município

Captura-de-tela-2024-07-11-164256

Justiça do Trabalho determina fim da greve na construção civil em Guarapari

Decisão judicial ordena retorno imediato dos trabalhadores e impõe multa ao sindicato em caso de descumprimento

Anúncio

Anúncio

WhatsApp-Image-2024-07-18-at-16.31.41

Escritora de Guarapari leva seu livro infantil para as telas com primeiro curta-metragem

Filme foi lançado no início deste mês no Cine Ritz

WhatsApp-Image-2024-07-18-at-14.56.06

Cruzamentos da Praia do Morro já registraram mais de 30 acidentes de trânsito neste ano

Número equivale à metade das colisões no bairro

Anúncio

Forro-Bobo-2023-13

Balneário de Iriri, em Anchieta, recebe 16ª edição do Forró Bobó neste fim de semana; confira a programação

De 19 a 21 de julho, evento vai reunir música e gastronomia

falta-de-agua-e-um-problema-politico-2-1024x683-1024x585

Governo do Estado declara Estado de Atenção para situação hídrica no ES

Medida foi tomada devido à falta de chuvas e estiagem nos últimos meses

Anúncio