Anúncio

Escola de Guarapari recebe “Saúde na Praça”

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 8 de agosto de 2019 às 10:45
Atualizado em 8 de agosto de 2019 às 10:46
Anúncio

Foram mais de 80 atendimentos realizados e , além dos serviços, um bate papo reuniu pais para esclarecer dúvidas sobre a saúde da criança

Pela primeira vez, o projeto itinerante do Hifa Guarapari visita uma escola no município. Fotos: Divulgação

No último sábado, dia 03 de agosto, o Hospital Materno Infantil Francisco de Assis, Hifa Guarapari, levou o projeto “Saúde na Praça” à EMEIEF Lúcia Sasso Bandeira, em Sol Nascente. A ação, que teve objetivo de aproximar a família ao ambiente escolar, aconteceu das 08 às 11h e teve programação especial, entre elas, aferição de pressão e testes de glicose. No total, foram realizados mais de 80 atendimentos.

Também aconteceu uma roda de conversa sobre Mitos e Verdades da Saúde da Criança. A pediatra Dra. Sandra Cotta foi quem facilitou o bate papo. Segundo ela, esse contato mais próximo com os pais, fora de um consultório médico, possibilita que eles tirem todas as dúvidas sem medo de perguntar.

Roda de conversa sobre Mitos e Verdades da Saúde da Criança.

A mamãe de segunda viagem, Michele Cardoso, 24, participou da roda junto com a pequena Maria Júlia, de apenas 29 dias, que nasceu no Hifa Guarapari. Ela aproveitou para esclarecer questões sobre a amamentação. “Eu fui muito bem orientada pela própria Dra. Sandra quando ganhei a Maria Júlia. Mas muitas dúvidas surgem ao longo do tempo. Durante a roda de conversa ela usou uma linguagem bem simples para que não saíssemos com nenhuma dúvida. Eu amei”, contou.

Segundo a diretora da Escola, Fernanda Coutinho, o “Dia da família na escola” teve o tema fortalecendo laços para uma aprendizagem significativa. “Esse momento foi pensando com proposta diferente às tradicionais reuniões pontuais previstas no calendário letivo. O intuito foi aproximar as famílias para prestigiar a exposição de trabalhos dos filhos e danças. Aproveitamos para convidar o CRAS e o Hifa e possibilitar aos pais o acesso fácil a serviços sociais e de saúde”, ressaltou.

Ação do grupo Cheios da Graça.

O grupo Cheios da Graça, que realiza trabalho voluntário uma vez ao mês no hospital, também marcou presença. Além de atividades de recreação, eles fizeram oficina de desenho e confeccionaram junto com os alunos, cartinhas que serão entregues às crianças que estão internadas. O objetivo foi incentivar os pequenos a encontrar uma forma criativa de alegrar um pouco mais o dia dessas crianças.

Durante a ação, a equipe do Hifa entregou informativos com os projetos destaques desenvolvidos pela instituição e entregou balões e máscaras com a imagem da família Hifa para a criançada.

  • Com informações do Hifa Guarapari

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

loja-davino-matos-frente-extrabom-santo-antonio

Vias do centro de Guarapari serão parcialmente interditadas a partir de amanhã (2)

Interdição acontecerá devido às obras de novo supermercado

carnaval

Sem vacina, Guarapari passará “longe de show e carnaval”, segundo prefeito

Queima de fogos no réveillon está garantida, no entanto

Anúncio
Anúncio
edson-tartaruga-assinatura-bairro-pavimentacao-drenagem

Prefeito de Guarapari autoriza obras em estrada do bairro Tartaruga

Na ocasião, Edson Magalhães também citou os planos futuros para a região

voz-denuncia-barulho-moradora-praia-do-morro-madrugada

Moradora de Guarapari reclama de aglomeração e som alto na orla da Praia do Morro

A confusão aconteceu de madrugada e a aposentada tentou contato com o Disque-Silêncio e com a Polícia Militar, mas não conseguiu

Anúncio
pesca-camarao-proibida-nordeste-oleo-mar-litoral-governo-defeso-730x400

Dezembro inicia defeso de camarão e lagostas no ES

reveillon_guarapari

Municípios capixabas suspendem queima de fogos no réveillon; Guarapari segue sem definição

Vitória e Vila Velha suspenderam a queima de fogos no réveillon nas praias depois da entrevista do subsecretário Estadual de Vigilância em Saúde

Anúncio